Antes de ler este texto, pare, respire e pense no seu trabalho, nas palavras, situações e imagens que você pode relacionar a ele.

Agora, com sinceridade, responda às três perguntas abaixo:

Você empreende ou quer empreender?

Precisa de mais estímulo para produzir?

Quer fazer parte de uma comunidade que acredita em suas ideias e está disposta a ajudá-lo a se conectar aos seus propósitos?

Se você respondeu sim a pelo menos um dos questionamentos, está na hora de considerar a possibilidade de levar a sua empresa a um Coworking.

Muito mais do que um espaço de trabalho compartilhado, um BOM Coworking é aquele que inspira ações e atitudes empreendedoras, fortalece iniciativas locais e gera impacto social.

De que forma?

O papel de um Coworking é, de fato, melhorar a sua rotina de trabalho. Para isso, ele pode ser perto da sua casa, ofertar internet de alta velocidade, ser um espaço tranquilo e sem distrações, e possuir todas as facilidades de um escritório (copa, impressão, materiais de escritório, café).

Tudo isso é fundamental e excelente. Mas o que diferencia essa estrutura dos modelos tradicionais de trabalho é, sobretudo, o foco nas pessoas. E é essa a principal diferença entre estar fechado numa sala alugada e conviver com outras empresas num Coworking.

No espaço compartilhado, você amplia enormemente sua rede de contatos, conhece gente nova e legal todos os dias, interage com outras empresas, compartilha experiências (e angústias também!), participa de eventos e fecha novos negócios!

Mas isso é uma modinha?

Não, isso é uma tendência que vem se confirmando a cada ano. Segundo o Censo Coworking Brasil 2016, há hoje no Brasil 378 espaços ativos, dos quais 11 localizados no Distrito Federal.

No ano passado, mais 10 mil postos de trabalho foram abertos em Coworkings, um aumento de 52% em relação a 2015. Atualmente, já são mais de 21 mil pessoas no país empreendendo nestes ambientes compartilhados.

Entrando no Manifesto Coworking 

Comunidade e comodidade!

Se conviver numa comunidade empreendedora ativa e inspiradora já é uma grande vantagem, algumas outras – de ordem mais prática – também permitem que você se concentre no seu negócio e não perca tempo com aquilo que pode tirar o seu foco.

Redução de custos. Um espaço eficiente de Coworking pode reduzir seus custos em até 80%! As despesas de manutenção de um escritório bem estruturado no plano piloto, incluindo aluguel, internet e energia elétrica chegam a pelo menos R$ 3 mil mensais. Isso sem contar outros gastos iniciais, como mobília ou uma pequena reforma do espaço, e outros como os de limpeza e manutenção. Num Coworking, é possível investir 20% desse valor para trabalhar num espaço totalmente preparado.

Zero preocupação. Você não precisa se ocupar com a realização de tarefas diárias que podem desviá-lo do seu foco como limpeza, abastecimento da despensa, segurança, impressão de materiais ou aquele cafezinho. Com uma mensalidade está tudo resolvido.

Sem distrações. Em casa, sempre vai haver aquela série deliciosa no Netflix, o cachorro pedindo pra passear, a geladeira cheia de comida, a família demandando sua atenção. Para manter o foco, é fundamental estar num lugar que o inspira a trabalhar com prazer!

Mais espaços. Se você precisa receber ou prospectar clientes, fornecedores e parceiros, fazer apresentações ou realizar eventos, o Coworking possui toda a infraestrutura necessária, com salas de reuniões, auditório, ambiente climatizado, banheiros. Uma verdadeira mão na roda!

 

Queremos saber quem você é e como podemos te ajudar. Venha visitar o Manifesto Coworking e experimente trabalhar conosco. Para saber mais sobre nossos planos, é só clicar aqui

Comment